Início Brasil Bolsonaro será denunciado à Organização Mundial de Saúde por exposição de brasileiros...

Bolsonaro será denunciado à Organização Mundial de Saúde por exposição de brasileiros ao Covid-19 durante protestos

136
0
COMPARTILHAR
Brazilian President Jair Bolsonaro greets supporters in front of the Planalto Palace, after a protest against the National Congress and the Supreme Court, in Brasilia, on March 15, 2020. (Photo by Sergio LIMA / AFP)

O anúncio da denúncia foi feito pelo deputado Marcelo Freixo (Psol-RJ).
16/03/2020
20

Na imagem, Jair Bolsonaro durante protestos

Portal enoticia com/ WSCOM

O presidente da República, Jair Bolsonaro, será denunciado à Organização Mundial de Saúde (OMS) por incentivo a população brasileira ao risco de contaminação pelo Covid-19, vírus que provoca preocupações em todo o mundo, durante a convocação de protestos contra o Congresso Nacional e Supremo Tribunal Federal (STF) neste domingo (15).

O anúncio da denúncia foi feito pelo deputado Marcelo Freixo (Psol-RJ):

Marcelo Freixo

@MarceloFreixo
12 pessoas que estiveram com Bolsonaro em Miami estão com o coronavírus. Hoje o presidente mostrou que está se lixando p/ a vida dos brasileiros e participou do ato em Brasília. Nós do @psolnacamara vamos denunciá-lo à OMS. Bolsonaro se comporta como um líder de facção fanático.

9.453
21:58 – 15 de mar de 2020
Informações e privacidade no Twitter Ads
1.332 pessoas estão falando sobre isso

Sobre a comitiva de Bolsonaro

Segundo o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), toda essa equipe – seguranças, assessores de comunicação e de cerimonial, por exemplo – já tinha “optado por um regime de auto-isolamento” desde a chegada ao Brasil, diminuindo o risco de exposição ao Covid-19.

“Dentro desse grupo, quatro indivíduos apresentaram resultado positivo, porém todos eles estão com um quadro de saúde ainda assintomático. Dessa forma, cumprirão em suas residências o isolamento recomendado de 14 dias”, informou o GSI em nota.

O gabinete aguarda a contraprova de um quinto membro da equipe, que recebeu “resultado inconclusivo” do primeiro teste. Todos os funcionários que prestaram apoio à viagem seguem em autoisolamento – o prazo para a liberação não foi informado.

Brazilian President Jair Bolsonaro greets supporters in front of the Planalto Palace, after a protest against the National Congress and the Supreme Court, in Brasilia, on March 15, 2020. (Photo by Sergio LIMA / AFP)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui