João Azevêdo e Pedro Cunha Lima disputam 2º turno das Eleições na Paraíba

0
307
Paraibanos voltam às cabines de votação no dia 30 de outubro para definir quem governará de 2023 a 2026
João Azevêdo e Pedro Cunha Lima disputam 2º turno na Paraíba —Foto: Divulgação

João Azevêdo (PSB) e Pedro Cunha Lima (PSDB) disputam o segundo turno das Eleições 2022 na Paraíba. Até as 20h10 deste domingo (2), mais de 81% das urnas tinham sido apuradas. O atual governador do Estado computava 39,12% dos votos válidos, o que correspondiam a cerca de 700 mil votos, contra 24,25% conquistados pelo tucano, que representavam pouco mais de 436 mil votos.

Veneziano Vital do Rêgo (MDB) tinha 16,90%; e Nilvan Ferreira (PL), 19,08%. Adjany Simplicio (PSOL), Adriano Trajano (PCO), Antônio Nascimento (PSTU) e Major Fábio (PRTB) tiveram menos de 1% cada.

Os paraibanos voltam às cabines de votação para definir quem governará de 2023 a 2026 no dia 30 de outubro. Relembre perfis e propostas dos candidatos.

João Azevêdo (PSB)

João Azevêdo Lins Filho, natural de João Pessoa, tem 69 anos e é engenheiro civil e professor aposentado do Instituto Federal da Paraíba (IFPB).

Ao longo de sua trajetória, ocupou cargos de direção e chefia em programas e repartições públicas municipais em João Pessoa e Bayeux. Foi secretário de Infraestrutura da Capital entre 2007 e 2010 e, em 2011, foi nomeado pelo então governador Ricardo Coutinho para a Secretaria de Estado do Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Ciência e Tecnologia. Em 2015, a partir da fusão de pastas, passou a responder também pela Infraestrutura do Estado.

Atual governador da Paraíba, João Azevêdo foi eleito em 2018 no 1º turno, com mais de 1,1 milhão de votos, o que representou 58,18% dos votos válidos.

João e Ricardo romperam politicamente devido à Operação Calvário e o novo chefe do Executivo estadual migrou para o Cidadania no fim de janeiro de 2020. Poucos meses após a ida de Ricardo Coutinho para o Partido dos Trabalhadores (PT), João Azevêdo anunciou retorno ao PSB, partido no qual concorre à reeleição.

João Azevêdo (PSB) marcou para as 21h um entrevista coletiva à imprensa para se pronunciar sobre o resultado do pleito eleitoral. A coletiva foi marcada para ocorrer no Comitê Central de João Pessoa, localizado na Avenida Epitácio Pessoa, número 147.

Pedro Cunha Lima (PSDB)

Pedro Oliveira Cunha Lima, natural de Campina Grande, Agreste da Paraíba, tem 34 anos e é advogado.

Membro de uma das famílias mais tradicionais da política paraibana — tendo como pai e avô os ex-governadores Cássio Cunha Lima e Ronaldo Cunha Lima, respectivamente —, Pedro ingressou na vida pública em 2014, quando foi eleito o deputado federal mais votado do estado, com apoio de 179.886 pessoas.

Nas Eleições de 2018, conquistou o segundo mandato legislativo, mas dessa vez com 76.754 votos, caindo para a oitava colocação na lista de mais votados.

A candidatura de Pedro Cunha Lima ao Governo do Estado ocorreu após hesitação do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, em encabeçar a chapa. Romero manteve o convite na gaveta por tempo demais, chegando, inclusive a acenar para uma aliança com João Azevêdo, o que obrigou Pedro Cunha Lima a assumir a missão.

Pedro Cunha Lima agendou coletiva de imprensa para este domingo (2), das 20h às 20h30, no Auditório do Eco Business Center, em João Pessoa. O senador eleito Efraim Filho também participa.

Após coletiva de imprensa, Pedro e Efraim seguem para Campina Grande, onde participam da comemoração da vitória no Parque do Povo.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui