Início Ciência e Tecnologia Opositores de Maduro deixam a embaixada da Venezuela em Brasília

Opositores de Maduro deixam a embaixada da Venezuela em Brasília

14
0
COMPARTILHAR

Os apoiadores do presidente autoproclamado da Venezuela, Juan Guaidó, deixaram no fim da tarde de hoje (13) o terreno da embaixada da Venezuela, após invadirem o espaço no começo da manhã desta quarta-feira. Eles saíram do local em um microônibus, cercado por viaturas da polícia.

> Bolsonaro nega apoio à invasão da embaixada da Venezuela

Antes de sair do local, os manifestantes pró-Guaidó passaram um tempo na parte externa da casa, após serem expulsos dos prédios da embaixada por apoiadores do presidente Nicolás Maduro.

Estima-se que de 15 a 20 pessoas entraram no espaço, onde estavam representantes do corpo diplomático venezuelano – muitos desses diplomatas moram na embaixada e estão no terreno com os filhos pequenos.

Um helicóptero da PM e policiais do choque estão no local, além de dezenas de manifestantes, que foram à embaixada, após a entrada dos invasores. Durante a tarde, aconteceram princípios de brigas entre os dois grupos, e um homem foi levado pela polícia.

A ação das autoridades é comandada pelo Itamaraty, que enviou o Coordenador-Geral de Privilégios e Imunidades, Maurício Correia, ao local.

Representantes do corpo diplomático que apoiam o Nicolás Maduro, movimentos sociais e líderes da oposição classificam a medida como uma invasão. O Gabinete de Segurança Institucional (GSI) também os classificou dessa forma, apesar de considerar Guaidó como presidente da Venezuela.

FONTE CONGRESSO EM FOCO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui