Mutirão em Patos analisa 191 processos em dois dias de trabalho

0
282

As ações são referentes à crimes de violência contra a mulher

O mutirão, iniciado na última segunda-feira (7) na comarca de Patos, para julgar processos envolvendo crimes de violência doméstica contra a mulher já realizou 191 audiências. A atividade, que segue até a próxima sexta-feira (11), está acontecendo na 2ª Vara Mista do Fórum Miguel Sátyro, pautando 450 ações.

A titular da 1ª Vara Mista de Patos, juíza Isabella Joseanne Lopes, explicou que a estrutura do esforço concentrado conta com 12 servidores públicos, 28 oficiais de Justiça, três juízes, três membros do Ministério Público e três da Defensoria Pública.

A juíza Isabella Lopes informou que, atualmente, cerca de 1.000 processos envolvendo crimes de violência domésticas tramitam em toda a Comarca. “A maioria diz respeito a lesões corporais, casos em que os acusados chegam embriagados em casa e, por qualquer coisa, partem para a agressão física contra suas companheiras”, revelou.

A magistrada destacou que nos dois primeiros dias de mutirão, “cerca de 70% dos processos analisados eram referentes a lesões corporais”.

Além da juíza Isabella Lopes, os magistrados Anna Maria Hilário, da 6ª Vara Mista de Patos, e Rossini Amorim Bastos, titular da comarca de Santa Luzia, estão trabalhando para o sucesso do mutirão.

Fonte: Ascom

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui