segunda-feira, fevereiro 26, 2024
No menu items!
Google search engine
InícioBrasilMinistro Edson Fachin suspende venda da TAG, subsidiária da Petrobras

Ministro Edson Fachin suspende venda da TAG, subsidiária da Petrobras

Por Rosanne D’Agostino e Mariana Oliveira, G1 e TV Globo — Brasília

 


O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu avenda da Transportadora Associada de Gás (TAG), subsidiária da Petrobras. A decisão é da sexta-feira (24).

A TAG atua no segmento de transporte e armazenamento de gás natural. Com uma rede de gasodutos de 4,5 mil quilômetros, a companhia tem capacidade de movimentação de 74 milhões de metros cúbicos por dia.

A petroleira havia acertado a venda de 90% da TAG por US$ 8,6 bilhões (cerca de R$ 33 bilhões) para o grupo francês Engie, do ramo de energia.

Segundo Fachin, a venda exige licitação, conforme decisão anterior do ministro Ricardo Lewandowski, também do Supremo.

“A dispensa de licitação só pode ser aplicada à venda de ações que não importem a perda de controle acionário de empresas públicas, sociedades de economia mista ou de suas subsidiárias ou controladas”, afirmou Fachin.

O ministro Edson Fachin, durante sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), na quinta-feira (23) — Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STFO ministro Edson Fachin, durante sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), na quinta-feira (23) — Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

O ministro Edson Fachin, durante sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), na quinta-feira (23) — Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

A decisão derruba uma liminar (decisão temporária) concedida pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) em janeiro.

O processo de venda da TAG faz parte do programa de desinvestimento da Petrobras.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine
Google search engine

Most Popular

Recent Comments